sábado, 25 de maio de 2013

Biografia: Leo Vieira- Secretário

Nascido em 1982, em São Gonçalo (RJ), é Bacharel em Teologia pelo Seminário Teológico Betel, Mestre em Teologia e Doutor em Missiologia pelo Ateneu Científico São Lucas, Doutor em Teologia pelo Instituto Teológico Úlfilas e estudante de Psicanálise Cristã.
É escritor acadêmico, Capelão, ator, dublador e Professor.
É Comendador, Produtor Cultural, Embaixador da Paz, Delegado Cultural Adjunto da FEBACLA em São Gonçalo (RJ) e Delegado Cultural Acadêmico da CONBLA em Niterói (RJ). 

Secretário e membro da Sociedade de Artes e Letras de São Gonçalo (SAL);
Membro da União Brasileira de Escritores (UBE);
Membro da Associação Nacional de Escritores (ANE);
Membro da Academia Poçoense de Letras e Artes (APOLO);
Membro da Academia Virtual Brasileira de Letras (AVBL);
Membro da Sociedade de Escritores de Blumenau (SEB);
Membro do Sindicato de Escritores do Distrito Federal (SEDF);
Membro da Associação de Escritores e Ilustradores de Literatura Infantil e Juvenil (AEILIJ);
Acadêmico Patrono da Cadeira 26 na Academia Gonçalense de Letras, Artes e Ciências (AGLAC);
Membro da Academia de Letras da Região Oceânica de Niterói (ALRON);
Membro da Academia Niteroiense de Belas Artes, Letras e Ciências (ANBA);
Membro da Confederação Brasileira das Letras e Artes (CONBLA);
Membro da Academia de Letras do Brasil (ALB-Suíça);
Membro da Federação Brasileira dos Acadêmicos das Ciências Letras e Artes(FEBACLA);
Membro da Associação Internacional de escritores e artistas (Literarte);
Membro do Grupo Mônaco de Cultura;
Membro da Academia de Ciências, Letras e Artes de Minas Gerais (ACLA/MG);
Membro do Instituto Histórico Geográfico e Genealógico do Grande ABC (IHGGABC);
Membro da Academia de Artes de Cabo Frio (ARTOP);
Membro da Associação Niteroiense de Escritores (ANE);
Membro da Academia Fluminense de Letras (AFL);
Membro da Academia de Artes, Ciências e Letras e Iguaba Grande (AACLIG);
Membro da Academia Soberana Brasileira de Artes do Estado do Rio de Janeiro (ASBAERJ);
Membro da Academia Real de Artes, Música e Letras do Estado do Rio de Janeiro(ARAMLERJ).
Membro da Academia de Ciências, Letras e Artes de Vitória (ACLAV);
Membro da Academia de Ciências, Letras e Artes de Vitória (ACLAV);
Membro da Academia de Letras Machado de Assis (ALMA);
Membro da Confederação Internacional dos Acadêmicos das Ciências, Letras e Artes (CONINTER).

Autor do livro "Alecognição" pela Editora Lexia. A primeira ficção narrada em São Gonçalo a ser distribuída nacionalmente;
Coordenador do "I Circuito Cultural Literário", feira de livros em São Gonçalo.

Blogueiro colunista e colaborador nas páginas:
Clube dos Novos Autores;
Antro Literário;
Arca Literária;
Sociedade de Artes e Letras;
Cai a Máscara;
Apologética Cristã;
Cresça na Graça e Conhecimento;
Pensamento Cristão.


O autor tem como compromisso, incentivar a literatura e a cultura nacional, fazendo intercâmbios com as associações em que participa e promovendo lançamentos, interações, oficinas de leitores e feiras literárias por todo o país.

Biografia: Décio Machado- Escritor Associado

Nascido em 1960, em São Gonçalo (RJ), é administrador de empresas formado pela UFF;
Escritor romancista e artista plástico;
Foi o primeiro coordenador de Ação Cultural da Secretaria Estadual de Educação- SEE/RJ
Fundador da União Cultural Gonçalense;
Fundador do projeto cultural "Nós Temos a Força";
Criador do Relógio de Sol de São Gonçalo (o único no mundo!);
Superintendente da Fundação de Artes e Letras de São Gonçalo;
Membro da Sociedade de Artes e Letras de São Gonçalo (SAL);
Acadêmico patrono da Academia Gonçalense de Letras, Artes e Ciências (AGLAC).

Autor dos livros:
Zé Malleta,
Adaflor,
Passarinho Passará,
O Revisor,

O Capitão da Luz.

Biografia: Bruna Tavares- Conselheira da SAL


Nascida em São Gonçalo (RJ), é Bacharel e Mestranda em Letras Latinas (UFRJ) com Pós-Graduação em Pedagogia (UERJ) e Pedagogia Empresarial (Faculdade S. Bento, RJ).
É membro-fundador da Sociedade de Artes e Letras de São Gonçalo desde 2004.

É professora e poetisa, organizando o seu primeiro livro.

Biografia: Alexandre Martins- Presidente da SAL


Nascido em 1967, em São Gonçalo (RJ), é Bacharel em Artes pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é escritor, pesquisador e articulista.
Fundou o estúdio que leva seu nome em 1992, em sua cidade natal, e desde a época produz desenhos animados autorais que participaram de Festivais e Mostras de Animação. Seus projetos são animação, ilustração, marketing
É professor de cursos livres de desenho animado e ilustração nas dependências do seu próprio estúdio, que também formou e capacitou muitos jovens da cidade as artes audiovisuais por mais de vinte anos e muitos hoje são profissionais na área.
Foi o idealizador e incentivador de uma Associação Nacional de Cineastas de Animação e é o criador e mantenedor da primeira lista de contato entre os profissionais de animação na Internet.

Títulos:
Amigo do Batalhão (2003)
outorgado pelo Comando do 17º Batalhão de Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro, por sua atuação em projetos comunitários e sociais na Ilha do Governador (Rio, RJ).

Moção de Aplauso (2007)
Entregue em cerimônia própria pela Câmara de Vereadores de São Gonçalo (RJ) pela atuação de seu estúdio na cidade e na região do Recôncavo da Guanabara.

Medalha Evadyr Molina (2009)
Outorgada pelo Instituto Histórico e Geográfico de São Gonçalo, por sua atuação no campo das Artes fluminenses.

Outros méritos:
Conselheiro de Cultura (2009), Vice-presidente do Conselho na gestão 2009-2011 e Presidente em 2012-2013.
Membro-artista (correspondente) da Academia Marial de Aparecida (SP, 1989);
Membro da Associação Internacional de Cinema de Animação – ASIFA (Noruega, 1992);
Presidente-fundador da Sociedade de Artes e Letras de São Gonçalo (RJ, 2004);
Co-fundador da Seção São Gonçalo da União Brasileira de Trovadores (2009);
Artista filiado à AUTVIS - Associação Brasileira dos Direitos dos Autores Visuais (2011);

 É produtor fonográfico filiado a ABRAMUS – Associação Brasileira de Música e Arte (2011).

terça-feira, 21 de maio de 2013

Saiba como atuam as editoras golpistas:


     Você que terminou seu livro e está engajado em avaliar o orçamento de uma boa editora por demanda, somente deve se preocupar com as editoras golpistas, que são muitas que aparecem sorrateiramente em busca de captura dos ingênuos clientes.

Desconfie dos serviços literários quando:
- A editora diz ser estrangeira e abrindo filial no Brasil;
- A editora não apresentar nenhum histórico referencial;
- A editora não ter site próprio;
- A editora ter somente página no Facebook;
- A editora fazer insistentes propostas editoriais, após o primeiro contato do
cliente;
- A editora propor lançamento editorial estrangeiro e outros projetos embrionários e prováveis;
- A editora propor pagamento à vista, com suposto desconto.


O que acontecerá quando você cair na arapuca dessa editora:
- A comunicação entre a editora e o cliente cairá instantaneamente;
- Se o cliente fizer contato, a editora alegará um monte de desculpas prontas, como viagens, agenda lotada e até problemas familiares;
- A promessa do livro ser levado para o exterior não será cumprida, é claro, e será alegado que houve problemas pessoais com o agente literário estrangeiro;
- Em muitas situações, serão entregues apenas 10% do lote dos livros. A editora alegará que o restante ficarão com eles para distribuição em livrarias, o que não acontece nem mesmo a impressão, tão pouco a distribuição;
- Enquanto você questiona com a editora, ela vai te "cozinhando" com mais promessas de vendas e projetos, e vai conseguindo mais clientes ingênuos que caem nas promessas porque veem a quantidades de títulos que a editora publica de seus lesados clientes;
- Se a casa cair para a editora, é muito simples. Ela desativa o site e desaparece temporariamente (“férias e estruturação comercial”, segundo a própria editora). Depois ela retorna com outro nome, novo site, novos serviços, mas o sistema de golpe será o mesmo.


O que você deve fazer ao presenciar ou se descobrir vítima do golpe:
- Reúna todas as provas e contatos e denuncie na Delegacia Virtual de sua cidade, para que a página da editora seja investigada;
- Se você foi lesado, faça um registro da queixa da editora e do responsável na
Delegacia mais próxima;
- Compartilhe as informações de denúncia na sua lista de e-mail. Não poste
abertamente em redes sociais, pois isso pode virar contra você, como crime de
difamação.


     Não seja conivente dos erros alheios. Se você não denuncia, você também é cúmplice. Vamos lutar por um mundo literário mais honesto.
     E nunca deixe de pesquisar o histórico de qualquer profissional ou empresa que se interessar em lhe prestar serviços literários.


Leo Vieira é secretário da Sociedade de Artes e Letras de São Gonçalo (SAL) e autor do livro "Alecognição", pela Editora Lexia.
Escritor acadêmico em 30 Academias e Associações literárias; ator; professor; Comendador; Delegado Cultural em duas cidades e Doutor em Teologia e Literatura.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...