Postagens

Mostrando postagens de Março 5, 2017

Mata

Imagem
Academia Virtual de Letras Patrono: Paulo Coelho Acadêmico: Mauricio Duarte Cadeira: 18


Mata
Tanta mata, floresta, Mata tanta, gente. É vida, mas é morte, Ao mesmo tempo...
Esse mote já vem Desde muito longe, Matando gente Que mata o tempo...
Matador que mata... Dor de quem Poderia ter matado A necessidade...
Morreu nas lutas Da mata como Chico Mendes, Morto na mata...
Mato que mata... Desmata toda A mata, que implora Não me mate, não...
Mata bendita; Maldito é o homem, Matando uma mata Que só lhe dá vida...
Mauricio Duarte (Divyam Anuragi)

2o. Sarau Virtual da AVL

Imagem
Registro do 2o. Sarau Virtual da AVL (Academia Virtual de Letras António Aleixo).

Texto de abertura:

Eu, Mauricio Duarte, líder da Comissão de Eventos da AVL
(Academia Virtual de Letras António Aleixo) declaro aberto
o 2o. Sarau Virtual da AVL.
Que nossos versos atinjam as mentes, os corações e as almas
de todos aqueles que amam a paz, a dignidade e a justiça,
a liberdade, a virtude e a consciência.
Esperamos tornar o mundo melhor com nossas poesias
para que sempre se possa dizer:

Não lemos e escrevemos poesia porque é bonitinho.
Lemos e escrevemos poesia porque somos membros da raça humana e a raça humana está repleta de paixão. E medicina, advocacia, administração e engenharia, são objetivos nobres e necessários para manter-se vivo. Mas a poesia, beleza, romance, amor... é para isso que vivemos.”

Sociedade dos poetas mortos  (filme norte-americano do gênero drama, lançado em 1989 e estrelado por Robin Williams, Robert Sean Leonard e Ethan Hawke.)

Texto de encerramento:


Eu, Mauricio Duarte, líder …